Cidades · Debate

Acessibilidade as avessas

Olá, gente.

A poucos dias da copa do mundo, que será realizada em 12 cidades sedes no Brasil, voltamos a falar deste assunto importante. A acessibilidade para as pessoas com deficiência. E, desta vez, lembramos também dos turistas que virão nos visitar.

Infelizmente, como já era de se esperar, esta parte da mobilidade urbana está extremamente atrasada e certamente não será concluída para o mundial. E mesmo aquelas que estão sendo feitas estão sendo feitas de maneira totalmente errada ou sem qualquer tipo de exigência mínima de qualidade.

Um bom exemplo é em Salvador, na Bahia, onde estão fazendo pisos táteis nas calçadas para guiar os deficientes visuais, mas estão sendo feitos sem nenhum tipo de padrão mínimo para ter na cidade uma regularidade e/ou qualidade para assegurar segurança e confiança para os deficientes visuais.

Temos encontrado piso tátil terminando em postes, placas e/ou árvores, calçadas com degraus, rampas, acessos, obstáculos, etc, sem piso tátil correto, ou piso tátil parando em tampas de bueiros e recomeçando logo após, etc. Sem falar na área onde as calçadas de prédios diferentes se encontram. Aí a improvisação corre solta, cada um faz o que quer e o piso tátil é emendado sem nenhum critério, com rampas, curvas, degraus, etc. Somente num trecho de 20 metros de calçada de dois prédios contíguos na Pituba (bairro onde moramos), pudemos contar nove erros na instalação do piso tátil. Um verdadeiro festival de coisas malfeitas e improvisadas. Na foto abaixo é possível perceber como as obras estão sendo feitas de forma totalmente desordenada.

Piso tátil para deficientes visuais.
Piso tátil para deficientes visuais.

Imagino que não há nenhum tipo de fiscalização ou então a fiscalização também está sendo feita sem nenhum parâmetro, pois se fosse o contrario, não encontraríamos os absurdos que estão sendo feitos.

É realmente uma pena que as autoridades públicas não estejam, nem mesmo num momento como este, aproveitando a chance de mostrar ao mundo como o Brasil pode ser um país mais acessível e preocupado com os turistas deficientes, não só visuais, mas também com todas outras deficiências, que vêm assistir aos jogos.

Infelizmente não há nada que possamos fazer a não ser assistir a este desenrolar e torcer pelo melhor.

Anúncios

Um comentário em “Acessibilidade as avessas

  1. A improvisação e o malfeito realmente estão imperando nestas adaptações de calçadas em Salvador. Muito bom e oportuno este texto.
    Beijão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s